terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Livros dos meus tempos de criança


Pelo título até parece que já sou um velhinho, quando ainda estou a coisa de cinco meses de fazer apenas 16 anos. Uau, nunca tinha pensado que faltava tão pouco. Os 15 estão a passar rápido de mais. O tempo escapa-se pela ponta dos dedos... enfim, não há de ser nada. A Filoxera desafiou-me a falar um pouco sobre os livros que marcaram a minha infância. Hm... complicado mas interessante.

Sempre gostei bastante de bandas desenhadas, desde Tio Patinhas, passando por Donald, mas, curiosamente, nunca gostei muito do Mickey. Outros livros que gostava eram aqueles do género "365 histórias", que tinham pequenos contos para se ler um por dia.

Uma colecção chamada "dicionário por imagens", ainda na edição antiga, porque se bem sei actualmente eles modoficaram algumas coisas. Tinham diversas temáticas: O Natal, a Natureza, a Montanha, o Espaço, os Animais, a Biblia... eu deliciava-me com aqueles livros.

Depois, numa fase um pouco posterior, comecei a ler Tintim, e a colecção "Uma Aventura". Também títulos como "O Principezinho" (este já reli entretanto umas quatro vezes!) e "As Crónicas de Spiderwick" foram interessantes de ler.

Por fim, e penso que este livro marcou o final dessa infância ao nível da literatura, "Eragon". Li-o com 11 anos e modificou os tipos de livros que comecei a ler para sempre. Tal como fiquei há pouco tempo orgulhoso por ter conseguio escrever 50.00 palavras em um mês, fiquei também orgulhoso há quatro anos quando li 400 páginas num livro pela primeira vez.

Actualmente, muito pouco ou nada do que leio se equipara a leituras leves. Do fantástico ou romance histórico, passando pela psicologia, filosofia e ficção científica, são os géneros que mais gosto actualmente. Além de bandas desenhadas, obviamente!

Desafio também a falar sobre os seus livros de infância as seguintes pessoas aqui do mundo dos blogs: O Francisco/Kiko (que também deve ter isto bem fresco na memória =P), O Sofá Amarelo (que há pouco tempo arranjou um novo... sofá amarelo!), à Isa (que tanto gosta de regressar ao passado nos "momentos seus") e à Patrícia (que já tem outra vez Internet e, espero, vá retomar o seu blog!)

Tiago.

4 comentários:

Isa disse...

E eu aceito,Tiago! Será uma "viagem" gira.
Obrigada pelas tuas palavras.
Beijooo.
isa.

Filoxera disse...

Esses dicionários por imagens também tenho. Comprei muitos deles para os meus filhos. Quase todos os de cartão e parte dos outros, com mais folhas, para meninos mais crescidinhos.
Beijos.

Filoxera disse...

Esses dicionários por imagens também tenho. Comprei muitos deles para os meus filhos. Quase todos os de cartão e parte dos outros, com mais folhas, para meninos mais crescidinhos.
Beijos.

Sofá Amarelo disse...

Não posso falar só de um livro mas de vários livros, embora todos da mesma autora: Enid Blyton! Falo dos %, uma tia minha ofereceu-me o n.2 num Natal (eu devia ter 8 ou 9 anos), começou ai a minha aventura literária que eu espero... ainda tenha alguns frutos para dar, heheheh!

Um abraço, Tiago!!!