quarta-feira, 27 de maio de 2009

Ocupação - 2ª de Cinco Coisas Belas


Sabe tão bem sentir-mo-nos ocupados! Não digo sobrecarregados, como ter na nossa cabeça uma lista interminável de coisas que temos para fazer até ao fim do dia: 1) acordar; 2) ir para o emprego; 3) acabar um relatório; 4) começar um guião de um determinado tema; 5) ir almoçar em vinte minutos; 6)...

Não, não isto. Mas sim acordar de manhã e saber o que queremos fazer: acordar, abrir as percianas, e termos algo programado para o dia. Termos alguma expectativa, algo porque esperamos. Algo para fazer, para estarmos ocupados.

Pode ser um passeio à beira-mar, pode ser um jogo com um amigo, pode ser ouvir música, ou ir para uma festa de anos à noite. Sabe bem, sentir-mo-nos um pouco ocupados: vejamos por exemplo uma pessoa desempregada - é comum ouvirmos delas que se sentem sem nada para fazer, que querem trabalhar.

Por isso, devemos aproveitar cada ocupação. Estamos vivos, aproveitemos as tarefas a que nos destinamos!

3 comentários:

Patrícia disse...

É bom fazer algo que realmente queremos e não ser obrigado a tal. Por vezes fazer planos não é assim tão mau como parece.

Patrícia=)

Anónimo disse...

*palmas*
tens muita razao e sempre bom ter um planozito(?) para o dia (se bem que tambem e bom esperar que apareça algo de interessante para fazer)

Isa disse...

Muito nós ríamos quando a nossa Mãe,
para nos animar,dizia: « só está "neura" quem nada faz.»
Claro q.é exagerado...etc e tal.
Mas ocupar o espírito, a mente...só faz bem.
Beijo.
isa.